TAKE ME DOWN | JULIE KRISS | THEREVIEWBOOKS.COM.BR
Ebooks Romance: o melhor dos ebooks de romance em promoço na Amazon

Take Me Down é o segundo livro da série Riggs Brothers da autora Julie Kriss. Portanto, um romance para esclarecer algumas dúvidas que ficaram no primeiro volume, Drive Me Wild. E também, acompanhar o irmão mais complexo dos 4.

Nessa história vamos conhecer o misterioso e fora da curva, Jace Riggs. Em primeiro lugar, no ranking Riggs do meu coração, Jace fica em segundo e por pouco não ocupou o primeiro lugar.

Com uma história complicada, Take Me Down, leva a gente para a zona “não julgue o livro pela capa”, afinal, Jace é um ex-presidiário em ressocialização, mas está longe de ser um criminoso.

Um Resumo sobre Take Me Down

Jace Riggs nunca foi como os irmãos, ele nunca foi de festejar e sempre preferiu estar cercado pelos seus livros. Entretanto, quando as pessoas menos esperavam, ele foi o irmão Riggs a seguir o pai para trás das grades.

Depois de cumprir sua pena Jace está quase livre, mais precisa fazer aconselhamento. E é assim que ele acaba no escritório de Tara.

Tara é uma conselheira que ainda tem o desejo de salvar o mundo e transformar a vida das pessoas. Ou seja, basta apenas uma sessão com o fechado Jace, para ela notar que todo o estereótipo sobre ele está errado e decidir investir na reabilitação do moço.

Os Personagens

John Christian “Jace” Riggs: Como dito na resenha anterior, Jace é o caçula dos irmão. Em Take Me Down, a gente vai conhecer os motivos do homem ser tão arredio e distante dos seus irmãos. Ele sempre andou no lado certo dos trilhos, mas mesmo assim foi parar na cadeia.

Na metade do livro, sabemos o motivo, mas adianto que tem muito mais haver com a moral de Jace, do que com a falta dela.

ASSINA AGORA A PASSIONFLIX | THEREVIEWBOOKS.COM.BR

Jace é um personagem, que embora fechado, até para os seus irmãos, é amoroso e quando se deixa cair pela Tara, estrela o melhor par romantico da série. Acima de tudo, ele é o cliche perfeito que a gente ama, alto, musculoso e com o diferencial de ser virgem.

Alias, eu sempre fico chocada como a virgindade masculina nunca é tratada com luvas de pelica e é feito uma grande coisa sobre isso. Jace é virgem, até não ser mais e isso não é um grande negócio aqui.

Tara Montgomery: É uma conselheira júnior, tendo se formado só há 3 anos atrás. Seu local de trabalho faz algum trabalho sem fim lucrativo para o governo e é aí que ela encontro caras como Jace, que estão voltando a liberdade.

No começo a personagem parece um pouco tensa, acho que foi o artifício que a autora usou, para dar credibilidade e profissionalismo a Tara. Entretanto, conforme o livro vai acontecendo, vemos um outro lado dela que é bem mais emocional e aberto.

Kyle: Ex da Tara, também policial que responde a mãe de Emily Parker, namorada de Luke Riggs, e também vilão do livro. Aquele personagem que aparece e você já tá cheia de ranço.

A Escrita/História/Construção de Mundo

A escrita flui fácil, não é o tipo de livro que você vai sofrer para ler. Julie consegue equilibrar bem a narração e os diálogos, e seus capítulos são alternados entre os personagens, o que dá um bom ponto de vista para nós leitores.

O grande por que dessa série é o trambiqueiro e pai dos garotos, Mike Riggs. Essa é a conexão entre as 4 histórias, reconstruir a vida na cidade natal, agora que o pai está fora do jogo e a fama da família tá mais do que na lama.

Cada um dos irmão odeio seu velho por um motivo, e o que eu mais gosto na história é que cada um deixa bem claro em seu livro. Não há buracos abertos nas histórias que escapem para próxima.

A história de Take Me Down, é crível e instigante. Você vai querer ler, tanto para ver o Jace e Tara, como para obter respostas sobre os sentimentos dos personagens e da história no geral.

Você vai realmente querer que Mike Riggs apodreça na cadeia cada vez mais em cada livro.

A construção de mundo é impecável, mesmo que divida cenários e locações com a história anterior, tudo no livro é feito para ele. É divertido ver a propriedade onde eles cresceram e estão se reconstruindo, de um angulo diferente. Luke mora na casa principal, mas Jace mora na casa de hospedes e embora, os personagens anteriores apareçam com certa frequência, você poderia ler esse livro como um standalone.

Minha Opinião sobre Take Me Down

Assim como o anterior, Take Me Down é bem escrito e tem um ritmo incrível. Eu gostei da tensão e virada de história, pois eu realmente não vi acontecendo.

Os personagens são sólidos e o gancho para o próximo livro é natural e esperado. Você vai terminar esse aqui, já mirando o próximo livro.

Eu gostei do enredo e de como os personagens vão crescendo e se expondo ao longo da história. É um livro de romance fofo, ótimo para ler quando você quer uma boa história, mas não tá afim de um odisséia enorme para ler. É um romance contemporâneo rápido e gostoso de ler.


Para ler mais sobre Julie Kriss e os The Riggs Brothers, clique aqui. Você pode comprar todos os livros na Amazon, clicando aqui. Cada compra que você faz utilizando nossos links, ajuda ao site a permanecer vivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *