UNDER LOCKE | MARIANA ZAPATA | THEREVIEWBOOKS.COM.BR
Ebooks Romance: o melhor dos ebooks de romance em promoço na Amazon

Quem anda lendo nossa newsletter, ou seja, já percebeu que tem semanas que eu só consumo coisas sobre MC. Portanto, foi por essa “mania” que eu reli Under Locke, 8o livro da autora Mariana Zapata, que como vocês já viram aqui e aqui, eu amo.

Eu li originalmente esse livro, há exato 1 ano atrás.
Em conclusão, aparentemente julho e agosto são oficialmente meus meses de ler sobre motoqueiros.

Entre livros mais românticos e os mais apimentados da autora, Under Locke fica descaradamente mais para a pegada erótica, digamos que ficando atrás apenas de Lingus (Romance da autora em que o mocinho é um ator pornô).

Entretanto, o livro tem uma história divertida, uma background de superação dos personagem que é realmente bacana, um drama bom para apimentar as coisas e acima de tudo, o slow burn (característica da autora) é um pouco mais “veloz” nesse livro. Juro que eles ficam juntos muito antes do final do livro.

Sem mais delongas, vamos conhecer melhor Dexter Locke e Iris Taylor:

Um Breve Resumo de Under Locke

Em primeiro lugar, iniciamos entre passado e futuro, Iris precisa de um novo começo e se muda para Austin para viver com o irmão. Consequentemente, ir morar seu irmão é fazer tudo o que sua falecida mãe não queria: se aproximar do motoclube de seu pai.

Em segundo lugar, suas opções de emprego são garçonete em um clube de strip e recepcionista da loja de tatuagem de Dexter. Porém, três segundos na companhia do irmão de colete de Sonny e Iris não tem certeza se escolheu a melhor opção.

Com um pavio bem curto Dexter não tem tempo a perder com a merda de ninguém, e isso inclui treinar a garota nova da loja. E a tensão do livro se constrói bem assim, ele é um babaca e ela conta os dias para juntar grana suficiente para ir embora da Pins&Needles e deixar de ser um estorvo para seu irmão.

ASSINA AGORA A PASSIONFLIX | THEREVIEWBOOKS.COM.BR

Enquanto isso, a vida acontece e talvez, Dex não seja tão idiota como Iris achou no início.

Os Personagens Principais

Dexter “O Idiota” Locke: Em primeiro lugar, Dex é uma contradição, ele é o puro estereótipo de motoqueiro, esquentadinho, ex-presidiário e fodão. Entretanto, ele é leal e um amor de pessoa, de um jeito bruto. Sério, ele é um dos meu motoqueiros favoritos da literatura e um dos meus personagens masculinos preferidos da Mariana Zapata.

Em segundo, ele é um gostoso, sério, a Iris vai fazer com que você fique caidinha por ele, assim como ela é. Uma das coisas que ela fala logo no inicio é: caras bonitos me deixam nervosa.

E então, você vai ficar nervosa e impaciente a cada vez que ele aparece em cena, o que é muito. Amém.

Iris “Ritz” Taylor: Uma das poucas mocinhas da autora que tem uma história de superação real. Ela tem um passado trágico, onde tudo que podia acontecer de ruim, aconteceu. Ou seja, a Iris é aquele tipo de personagem durão, porém delicado. Absolutamente tudo que o Dexter faz afeta ela de uma maneira ou outra, mas ela não é uma mocinha chata.

Ela não fica se lamentando, mesmo que fale recorrentemente dos seus traumas, mas nunca é em tom de lamento. E você vai entender por que cada coisa machuca ela.

Além disso, a Ritz, como Dexter a chama, é muito divertida e a indecisão dela sobre fazer ou não uma tatuagem é muito fofa.

Sonny Taylor: Meio-irmão motoqueiro da Iris, ele é o atual porto seguro dela, mesmo que eles não tenham crescido juntos. Ele vai mover mares e montanhas por ela, o que é um contraste gigantesco com o outro irmão, o Will.

A gente não vê muito do Sonny, só o suficiente para ele ser um aporte a personagem principal, o que é uma pena, pois eu amaria ver uma história sobre ele.

Os Personagens Secundários

Will Taylor: A pessoa mais inútil de Under Locke, se ele não existisse, não faria a mínima diferença. A Iris praticamente criou ele, enquanto lutava suas próprias batalhas, para ele simplesmente sair fora na primeira oportunidade que teve.

Ele passa o livro lotado numa missão militar no Japão, posteriormente aparece é em um telefonema, onde ele quer tudo, menos falar com a irmã. É ridículo.

Como Resultado, você vai gostar muito mais do Sonny, já que ele é o oposto, cresceu longe da irmã e quando soube dela, cruzou vários estados para fazer parte da vida dela.

Curt Tayler: O coco em forma de ser humano que espalha filhos pelos EUA. Certamente, o abandono dele é o que movimenta e dá direção ao livro, consequentemente, não há absolutamente nada que você possa fazer para gostar desse homem.

Quando chega a hora da gente conhecer pessoalmente o personagem, nossa reação é só uma: querer que Dexter Locke dê um soco nele.

Trip: Melhor amigo de Sonny e o meu primeiro crush no livro, aparece pouco, mas é perfeito toda vez que aparece. Consequentemente, também queria um livro sobre ele.

Under Locke é um livro que eu queria citar todos os personagens, mas essa resenha ia ficar gigantesca, então vou só honrosamente citar o Blake e Slim, os outros tatuadores da loja, que são muito importantes para o drama do enredo e sempre foram geniais em todas as aparicões.

A Escrita/História/Construção de Mundo

Mariana Zapata tem outro mérito além de escrever ótimos slow burns, que é conseguir limitar seus livros há lugares e eventos, sem descrever quase nada, e mesmo assim criar mundos fantásticos.

Em Under Locke há menos de 10 cenários listados, e o máximo que você vai conseguir de descrição são o posicionamentos dos objetos que fazem diferença para a história. Por exemplo, na Pins & Needles você vai saber que o espaço é dividido em baias para os tatuadores e o único local fechado são o escritório e a sala de descanso.

Esse é o máximo de descrição que você vai conseguir. Entretanto, essa falta de direcionamento, não deixa o cenário da história pobre. Você será capaz de imaginar com muito mais clareza as coisas. Para mim, particularmente a Pins era como o programa Deu Ruim na Tattoo, da TLC.

A escrita é super Mariana, é fluída, é divertida, é emocionante. O tipo de livro que você pega para ler e não larga mais até terminar.

Diferente de From Lukov With Love, o drama é bem maduro. Além disso, esse livro tem uma energia e constância que eu só vi em Rhythm, Chord & Malykhin, que é meu livro preferido da autora.

Concluindo, o que eu achei de Under Locke?

Eu adorei da primeira vez, e muito mais da segunda. Li depois de uma maratona intensa de Kristen Ashley, e logo depois de 2 livros seguidos da série de MC dela, que puxa mais para o classicão “somos meio bandidos, meio devassos, totalmente durões e cheios de dramas e palavrões”. Under Locke é mais suave, é mais, o mundo fora do clube.

Dexter mais precisamente, faz parte de um MC, só por que o presidente foi a única pessoa a acreditar nele, depois que saiu da prisão e também por que sua família vem de uma linhagem de MC.

Como resultado, essa é uma história que eu não teria problema nenhum em reler e aposto que você também não. Ela está disponível no Kindle Unlimited, e você pode ler clicando aqui. E ainda não está disponível em português, mas se você é inscrito na nossa newsletter, já aprendeu a ler livros em inglês traduzidos direto no seu kindle, sem pirataria.

Resumo da Avaliação
Data do Review
Livro Resenhado
Under Locke
Nota
51star1star1star1star1star
Product Name
Under Locke
Price
BLR 133.87
Product Availability
Available in Stock

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *